9 de jan de 2013

The Man With The Iron Fists (2012)

A capa é melhor do que o filme.
   Lembram-se da postagem My TOP 10: Futuros e lançamentos que eu estou louca para assistir? Então vocês também se lembram de The Man With The Iron Fists. 
   Eu disse que queria assistir esse filme por causa da mistureba danada e por causa das lutas chinesas. Assisti e realmente é uma mistureba danada com lutas chinesas, oba!
   O diretor desse filme é o rapper RZA, integrante do grupo Wu-Tang Clan. Por mais que eu seja uma admiradora do rap confesso que nunca ouvi Wu-Tang Clan, mas pelo nome do grupo já tinha essa ideia sobre o que o filme chegaria a ser. Além de diretor do filme, RZA também atua, infelizmente muito mal, no papel principal.
   O filme fala sobre um ferreiro na china feudal e sobre a batalha entre os clãs. 
   Eu vou direto ao assunto: O filme. A maioria odiou o filme, com tantas críticas negativas eu realmente achei que fosse ser pior, mas até que não foi totalmente ruim. Como eu já disse anteriormente, eu adoro rap e a cultura asiática e esse foi um motivo geral para criar um conceito sobre o filme. 
   A trilha sonora é massa, como rap e cultura oriental são duas coisas diferentes a trilha deveria ter sido mais bem calculada para que houvesse um equilíbrio total, mas infelizmente não teve e oque era massa se tornou apenas meio massa.
   A construção do cenário é sim maravilhosa, massa, mas infelizmente também não combinou com o figurino. O cenário é de uma dinastia chinesa e o figurino é de outra dinastia. A concordância é zero, mas o cenário ainda é maravilhoso. 
   Algumas atuações foram boas outras foram realmente descartáveis, mas vale a pena citar. 
   Byron Mann obviamente se divertiu no papel de Leão de Prata, eu gostei demais. O mesmo digo para Russell Crowe que aparentemente não estava nem aí para o filme. E  Lucy Liu como sempre também estava maravilhosa dando vida a Madame Blossom. I love it!
    Do lado ruim da coisa temos o diretor do filme, RZA. O cara é terrível como ator, péssimo de todas as maneiras, pior do que a Kristen Stewart, mas só pra contrariar ele é um bom narrador. Eu gostei muito da narração do filme, confesso.
   Se for para falar de mais pontos negativos que aponto no filme um deles seria o sangue. Eu realmente odeio sangue muito artificial. O filme é estranho, acontece que em algumas partes o sangue é realista e em outras parece tinta guache. Eu posso até perdoar a falha, esse é o primeiro filme do RZA, espero que ele preste mais atenção na próxima vez. 
   Só eu que achei os efeitos especiais ruins? Principalmente na parte em que o homem de ouro se transforma dá pra notar os péssimos gráficos. E quando o RZA corta a cabeça do carinha lá? What the fuck?
   Enfim, apesar dos péssimos efeitos especiais, de algumas lutas surreais e da atuação maravilhosa do RZA o filme não foi tão ruim. A estória é legal e o filme é curto, felizmente não tem muita enrolação.
   Para alguns que assistiram foi ruim, mas acho que vendo pela percepção dos atores, ruim ou não, se me chamassem para um filme desses eu aceitaria na hora, pois quem é que não gostaria de voar com lâminas cortando cabeças enquanto o sangue jorra? Não há nenhum diálogo batido depois do massacre que supere essa sensação.
   Por mim eu recomendo o filme, por mais que tenham seus pontos negativos é um bom entretenimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

(: